Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2014

Planos furados...

Imagem
Ficar sem carro a meio das férias é coisa que não desejo a ninguém... lá se foram as férias no norte e lá se foram os planos para os restantes dias... a chegar do Algarve, em plena Ponte Vasco da Gama a nossa carrinha faleceu... foi como "morrer na praia" a 30 min de casa... enfim. O chato nem foi fazer o transbordo das miúdas e das tralhas de férias, nem foi o de ter de cancelar a semana de férias no Gerês, nem refazer os planos todos das férias. O chato foi mesmo ficar sem carro! É um transtorno tão grande que só passando se percebe... maior ainda quando se tem crianças pequenas em casa... enfim. Valeu-nos a semana no Burgau que para não variar foi repleta de animação! E valeu-nos o carro do tio João que sempre deu para dar umas voltas! Entre passeios por aqui a uns dias na Lagoa, na companhia do quarteto maravilha que nos recebeu de braços abertos! Entretanto já temos uma solução para o nosso problema de mobilidade e ainda temos uma semana de férias pela frente. Haja pod…

Parabéns Carlota!

Estamos de férias no Burgau mas este dia merece destaque neste blogue, que acompanha cada passo desta pequena pessoa que me enche todos os dias de alegria. Tem sido sem dúvida uma "tempestade" nas nossas vidas, mas daquelas que só trazem coisas boas consigo. Obrigada Totas por nos desafiares todos os dias. São 2 anos repletos de emoção, de alegria, de energia, de ternura... de muito amor! Muitos parabéns!!!

Nas minhas férias

Imagem
Assim espero e tenciono fazer por isso!!! Vão ser 3 semanas com praia, campo e cidade respectivamente, sempre na companhia de quem mais faz brilhar os meus olhos. Daqui só coisas boas podem vir!!! Para setembro espera-nos uma nova etapa, sobretudo para a Constança que terá o começo de uma nova "aventura" na sua vida. Vamos recarregar as baterias nestas semanas de férias, encher-nos de alegria e coragem para depois retomarmos a nossa rotina de coração aberto e cheios de confiança. Cá vamos nós!!!

Sarnadas de S. Simão: a aldeia do nosso coração

Imagem
Até rima e tudo!!! É a aldeia das nossas avós, dos nossos pais e a nossa. Apesar de nos últimos anos não irmos lá muitas vezes, esta é a aldeia que trazemos cá dentro, da qual guardamos as melhores memórias da nossa infância. Muitos foram os verões que ficávamos a cargo das avós e das tias e por ali nos passeávamos, sem preocupações nenhumas, só a aproveitar a companhia dos primos, dos amigos e da natureza que tanto tem para oferecer por aquelas bandas. Depois mais crescidas, muitas foram as noites que virámos a dançar ao som da música "pimba", na companhia dos muitos amigos que fizemos por lá. São memórias felizes, de uma infância feliz, repleta de boas recordações. Agora que já somos mães, passeamos pela aldeia com o coração saudoso desta infância simples e tão cheia de coisas boas. Gostávamos que os nossos filhos pudessem guardar memórias semelhantes, mas os tempos são outros e também serão outras as suas memórias. Ainda assim, queremos que conheçam e que amem esta terra…

O Yoga e eu

Era capaz de resultar! Fui para a aula experimental sem fazer grande ideia do que me esperava. Avisei o professor que era o meu primeiro contacto com a matéria, o que acabou por ser a minha salvação! Aquilo tem movimentos que nem sabia possíveis ao ser humano!!! A aula começou com o professor a dizer que todos, independentemente do grau de experiência no tema, estavam proibidos de pronunciar frases como "eu não consigo" ou "impossível" ou "nem me atrevo" e posso dizer-vos que foram precisamente as que me vieram à boca no 2.º movimento que era suposto executar! Confesso que tinha uma ideia muito idílica desta modalidade... na minha ingenuidade a coisa resumia-se à capacidade de concentração/meditação, a algo muito conceptual sem dar grande corpo ao manifesto. E eis que é precisamente o contrário! Claro que a concentração é essencial, não para colocar o cérebro noutro espaço mas para ajudar a canalizar todas as energias e coordenação para os movimentos do …