Parabéns Francisca!

A minha primeira sobrinha faz hoje 7 anos!
Ter pouca diferença de idade das minhas irmãs ajudou a que fossemos mães quase em simultâneo, conseguindo criar uma extensão daquilo que mais valorizamos na vida: a família. Termos crescido juntas, a partilhar quarto, roupa, colégio interno, uma infância e adolescência inteira sempre juntas, o que potenciou a relação que temos hoje de irmãs de verdade.
Conseguirmos isso com os nossos filhos está a ser maravilhoso! Todos diferentes, cada um com o seu tempo, o seu espaço, as suas características únicas mas que em comum todos respiram família. Podem ainda não saber nada da vida mas sabem, com a maior das certezas do mundo, que nunca estarão sós e esse é o melhor presente que lhes podemos dar.
A Constança e a Carlota hoje ficam a dormir com a Francisca realizando 1 dos pedidos da aniversariante. O outro fica para amanhã: brincarem juntas na casa das primas. E com pedidos destes... é fácil fazer as nossas crianças felizes!
Parabéns minha Francisca por respirares família, por seres segura de ti e por nos contagiares com as tuas energias cheias de alegria!


Já só faltam 4

Da lista dos nomeados e daqueles que gostava de ver antes dos Óscares, vi este fim-de-semana o filme "Três cartazes à beira da estrada". Convenceu na nomeação de melhor actriz já a história em si e o final do filme... enfim... mais uma vez as escolhas dos filmes eleitos como os melhores dos melhores deixam muitas dúvidas. Parece que é preciso ser cada vez mais "fora" para ser bom... vale a pena ver mas não necessariamente no cinema, onde implica gastar dinheiro. E para bom entendedor...


Os pequenos detalhes

São os pequenos detalhes, os gestos simples que conseguem tantas vezes fazer a diferença. A mana tem estado de baixa, a recuperar de uma entorse que fez em setembro mas que por falta de repouso a sério se foi agravando até não ser possível adiar o inevitável: parar!!! As recomendações médicas foram ignoradas porque há sempre muito para fazer, muitos meninos para deixar de ensinar e os argumentos, todos válidos, vão superando o racional deixando para trás o mais importante e valioso: a saúde. Esta vontade de não falhar, de não faltar aos outros, de estar sempre lá, de ignorar a dor, de ser forte para um "bem maior" é coisa rara mas ainda existe. Obrigada mana pela inspiração que és nas nossas vidas e por continuares a espalhar a magia nos corações dos teus alunos!


A publicidade no seu melhor


Estes foram os anúncios em destaque no intervalo da Super Bowl. Não tendo tempo ou paciência para ver todos, não percam o n.º 4 que conseguiu passar a mensagem da forma como mais gosto: divertindo quem vê! O último tem o melhor do mundo e só por ser "nosso" vale a pena ver.



Passeio TT

Comprámos o jipe no ano em que casámos, faz este verão 11 anos. Lembro-me, como se fosse hoje, do dia em que o fomos buscar e olhando para ele agora... está praticamente irreconhecível! Pintura nova, jantes e pneus XXL, estofos pretos e uma série de melhorias que nem sei (nem quero) descrever. Não é o nosso carro do dia-a-dia, nem o comprámos com esse objectivo, mas é muitas vezes uma alternativa seja nos percursos diários, seja para um passeio no fim-de-semana, como foi o caso deste domingo - um passeio TT em Foros de Salvaterra. Acordar cedo num domingo de manhã, com chuva e muitoooo frio só mesmo para corajosos (ou loucos!) como nós... Um passeio a dois por terras desconhecidas e muito pouco percorridas, num percurso cheio de trilhos estreitos equilibrados por kms em estrada aberta com uma paisagem de cortar a respiração. Um trajecto radical para condutores experientes em todo o terreno, com alternativas para quem foi em modo passeio como nós e que mesmo assim conseguimos a proeza de partir uma peça e por isso, a última fase do percurso fizemos a reboque e assim regressámos a casa - de reboque - para desgosto do Hugo... poucas vezes tem tempo para estes passeios e das últimas vezes tem acabado sempre assim, mesmo quando decide não arriscar muito. Enfim, faz parte da aventura lidar com os imprevistos e felizmente a avaria não se espera grave, só chata. E também faz parte por ser um carro antigo e que só por isso requer uma manutenção diferente. Já pensámos vendê-lo, até já o anunciámos, mas feitas as contas do quanto já se investiu nele... a verdade é que não compensa vender. Usamos pouco, é verdade, mas está pago e tem um valor emocional que pesa cada vez mais na decisão - quando se fala na possibilidade as miúdas entram em histeria! Se pudessem escolher o carro de todos os dias seria o jipe, sem sombra de dúvida. Adoram o aspecto selvagem; são fãs da altura e vibram nos saltos! Para elas o jipe representa aventura em família e só por isso vale a pena continuarmos a pagar selo, seguro e inspecção. 






Visitava todas!

Adoro viajar! Se pudesse fazia pelo menos 1 viagem por ano e não tinha de ser de uma semana. Bastava-me um fim-de-semana prolongado para visitar Barcelona, Edimburgo, Berlim, Zurique, Moscovo. Depois podiam vir as outras, as que requerem mais tempo - e também muito mais dinheiro - para ir a Sidney e a Melbourne na Austrália, a Nova Iorque, Boston, Miami, Los Angeles nos EUA ou Singapura e Banguecoque na Tailândia. Tantas cidades, todas na lista das acolhedoras e divertidas e todas na minha lista de viagens de sonho. Mas viajar custa dinheiro e não é pouco... apesar de hoje em dia ser bem mais barato do que há uns anos atrás, a verdade é que ir 3 dias a Barcelona, por exemplo, que é já ali ao lado, custa dinheiro que não consigo separar na gestão dos gastos mensais lá de casa. Também para viajar é preciso fazer contas não só ao transporte, que por vezes é o mais barato! Entra na equação a estadia e as refeições, que por mais simples que sejam custam dinheiro. E se é para ir, é para ir com espaço para pelo menos 1 refeição decente por dia e para dormir com o mínimo de condições. O resultado é simples: não dá para inventar uma viagem só porque se encontra um voo baratinho; não dá para arriscar com um fim de semana prolongado ali a Barcelona quando este mês é preciso pagar o seguro e o selo do carro; não dá para reservar uma viagem no impulso do momento quando se sabe que este ano é preciso fazer obras em casa. E as despesas, previstas ou imprevistas, vão surgindo e vão adiando as viagens de sonho. Mas como são de sonho não faz mal, se um dia as realizar tanto melhor; se não der... fico feliz por ver Lisboa e Porto presentes nesta lista e saber que pelo menos Londres e Paris já cá cantam!

Portugal no top 10. Descubra as cidades mais divertidas e acolhedoras do mundo

Parabéns André!

O mano mais velho faz anos hoje! São mais de 20 anos de amizade, de partilha, de companheirismo, com tantas aventuras e desventuras que foram construindo uma relação com base no respeito, na estabilidade e no amor que une família de verdade. Formamos uma família muito singular, com um núcleo muito restrito mas que tem funcionado tão bem! 
Obrigada André por estes anos todos em que nos ouves as dúvidas, os dilemas, as alegrias, as angústias e partilhas connosco a tua opinião sempre sincera, tranquila e segura de quem fala pouco mas que sente tudo o que diz. 
Parabéns por seres assim, um pilar firme e seguro como a rocha, que nos mantém unidos e felizes nesta família tão única e especial. Que o novo ano que hoje começa te traga muitas alegrias!


OBRIGADA!

O dia de ontem foi perfeito! Acordei com as minhas filhas e marido a cantar os parabéns e terminei o dia com a chegada deste vídeo, feito pela amiga, comadre e mana de coração com um resumo de fotografias que só me traz boas lembranças. Uma soma de bons momentos que me fazem acreditar que a felicidade é isto: é ter família unida, é ter amigas presentes, é ter pessoas que estão sempre lá, nos bons e nos maus momentos. É tão simples quanto isto. Não preciso de mais nada, bastam-me vocês, basta-me sentir-vos por perto, saber que faço a diferença nas vossas vidas e que vocês estão aí para mim. É só isto. Não peço mais nada. Muito obrigada!!!


Temos (mesmo!) jogador

O dia de ontem foi TOP. Não queria grande festa, só juntar a família e as comadres para um almoço tranquilo com o meu núcleo duro. Quis o destino que precisamente no meu dia de aniversário os meus afilhados se defrontassem no futsal! Foi uma emoção vê-los a fazer o que amam, a cruzar olhares de cumplicidade mesmo vestindo camisolas adversárias. O Simão esteve inspirado e no resumo do resultado só dá Simão! Grande orgulho deste miúdo que joga como quem anda, com uma naturalidade e lucidez impressionantes.