Jantar histórico

Quando vou jantar com as amigas tenho sempre a preocupação de deixar jantar pronto para os que ficam em casa, nem que seja pelo menos sopa. Isto porque conheço o marido que tenho e a sua incompatibilidade com a cozinha - não sabe, não gosta, não se esforça. Também não reclama por isso se não deixar nada, jantam torradas ou cereais e fruta e bolachas e o que mais houver que seja simples e que dê o menor trabalho possível. Fome sei que não passam. Mas na 6.ª as miúdas não satisfeitas com a sopa pediram (imploraram) salsichas e o pai claro que não conseguiu dizer que não... ligou-me a saber onde estava a frigideira; depois onde estava o óleo; a seguir que n.º devia usar na placa do fogão... a sério?! Mas esta pessoa vive lá em casa?! Lá se orientou e basta olhar para a cara das pequenas para perceber o quanto ficaram felizes por este jantar épico lá em casa!



Comentários

Mensagens populares deste blogue

E de repente...

A mãe disse

Madalena e as suas Fadas Madrinhas