Nem quero imaginar na adolescência...

A Carlota chegou a casa com umas calças vestidas que não eram as dela, as que lhe tinha vestido de manhã e claro que percebi logo porque apesar de serem também de ganga, tanto a cor como o tamanho eram diferentes. O pai quando a foi buscar nem reparou (homens!?!?), apesar das calças estarem com umas 3 dobras (tam. 5/6 quando a Carlota veste o 3/4). Mas o engraçado nisto tudo é a origem da troca: 
Eu: então Carlota estas calças não são tuas... o que aconteceu?
Carlota (com o ar mais tranquilo do mundo): troquei com a Inês.
OI?!?!? 
Dormem a sesta lado a lado e na hora de se vestirem, decidiram trocar! Tão simples quanto isto.
Entretanto falei com a educadora e ainda nos fartámos de rir porque ela diz que nem se deram conta da troca mas o que ainda estão para perceber é como é que a amiga Inês se conseguiu enfiar nas calças da Carlota!?!? 
Enfim... se isto é assim no 1.º ano do jardim de infância, nem quero imaginar na adolescência!!?!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O milagre chamado Constança José

Wooowwww

Quando a morte espreita...