Vale a pena

Ainda só passaram 2 meses mas arrisco a dizer que vale a pena investir num alisamento do cabelo! Depois de ter sido mãe, sobretudo após a 2.ª gravidez, deu-se uma espécie de metamorfose no meu cabelo... uma coisa que nem sei explicar, mas o volume começou a aparecer e a multiplicar-se. Tenho o mesmo cabeleireiro, o meu querido Leonel, já vai para 15 anos e nunca variei muito o estilo de corte, talvez por isso nos tenhamos apercebido das mudanças sem explicação que foram ocorrendo - a juntar ao volume, apareceram os jeitos e trajeitos que variavam consoante a noite e a posição da cabeça na almofada. Havia dias que tinha a "sorte" de ficar com ar "despenteado giro", mas também havia outros que o despenteado teimava em ficar só de um lado. Que grande mudança me havia de acontecer, logo a mim que tenho paciência zero para esticar cabelo!!!! E depois de algumas tentativas com a prancha para esticar o cabelo em casa, percebi que tal trabalho não é para mim! Ou arriscava-me a ficar sem cabelo, tal a minha falta de jeito de escova e secador em punho; ou era continuar a ficar com aspecto medonho dia sim, dia não. Depois aconteceu ir ao cabeleireiro para esticar o cabelo para um batizado que tivemos e fartei-me de ouvir elogios - eu própria a sentir-me bem (finalmente!!!) com o estado "normal" e liso do meu cabelo. Foi aí que se me fez o clique e comecei a procurar informações sobre os alisamentos. Depois de alguma pesquisa percebi porque não é uma solução tão simples e a quem nem toda a gente recorre, mesmo quem tem cabelos bem mais complicados do que o meu... a começar é o receio de que a coisa não corra bem e que se fique com o aspecto de quem foi lambido por uma vaca, com o cabelo coladinho à cabeça e a brilhar de tão oleoso. Depois é o preço, que é coisa para variar entre os 100€ e os 500€?! Mas está tudo louco?!?! Então falei com umas quantas pessoas, já batidas no assunto e percebi que compram com vouchers de desconto ou esperam por promoções dos mil e um sítios que nos últimos tempos se especializaram no mundo dos alisamentos. É escrever no google alisamento para ter hipóteses que nunca mais acabam. A dificuldade foi mesmo decidir onde ir. Acabei por escolher um já com referências de uma amiga que experimentou e gostou, na Av. António Augusto Aguiar. Comprei voucher no site da Odisseias, liguei para lá e consegui marcar mesmo para o dia e hora que queria - o destino a confirmar a minha decisão! Quando cheguei lá no dia começaram por fazer uma avaliação do estado do meu cabelo e claro que arranjaram logo argumento para dar um "choque de hidratação", porque tenho madeixas e porque estava seco e mais blá, blá, blá que é certo me convenceu a largar mais uns euros para ter a certeza que o resultado seria perfeito. Depois lá começou o tratamento e, tenho de admitir, é uma seca! São quase 2 horas sentadas numa cadeira, com um produto tão ativo na cabeça que causa um ardor nos olhos que nem me deixou ler o meu livro... mas dizem que é suposto aguentar 1 ano, se de 4 em 4 meses se der um retoque na raiz, e a acreditar na teoria, vale o sacrifício. Por enquanto, o balanço destes 2 meses é positivo - acho mesmo que valeu a pena. No meu caso duvido que dure tanto tempo porque não comprei nenhum shampoo xpto (uso um qualquer de supermercado especial liso kerantina - o que estiver em promoção), lavo o cabelo quase todos os dias (é uma mania minha, que para mim tomar banho só sabe bem se for com cabeça lavada), uso a mesma escova que já tinha antes (que até está meio bamba, a precisar de substituição) e penteio-me e seco o cabelo com a mesma paciência de sempre (leia-se: nenhuma!). Mas vamos ver... para já tudo impecável. Recomendo!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Parabéns comadre e amiga Inês

Porque é preciso haver quem faça

Parabéns Pai!