IRS a quanto obrigas

Estamos a 1 dia de poder submeter o IRS relativo a 2015. Faço contagem decrescente de forma tão ansiosa como com os aniversários lá de casa, com a vantagem neste caso de ter um reembolso à vista e não o contrário. Devo ter sido das poucas contribuintes entusiasmada com a nova forma de controlo das faturas e nem me importei de incorporar nos meus hábitos semanais uma visita, aliás 1 não mas 4 visitas, ao site do e-fatura. Ir acompanhando a entrada das despesas aos poucos custa muito menos do que olhar para elas passado meses, quando já nem nos lembramos do que jantámos ontem. Já para não falar da novidade de ter de esclarecer se temos ou não receita médica das despesas de saúde... isto multiplicado por 4 no meu caso. É quase comportamento esquizofrénico para uns, mas para mim é apenas mais um hábito online. Nesta altura já fiz as minhas consultas todas, já confirmei as faturas pendentes, as minhas, as do Hugo e as das miúdas e estou prontinha para começar a preencher a declaração, na opção "pré-preenchida" na esperança de estar tudo certo. Correndo tudo bem, e fazendo fé nas declarações do Fisco, passados 20 dias o reembolso cairá na conta. Ele que venha, que bem falta faz!
Para os menos esclarecidos nestas andanças sugiro uma visita a este site que explica tudo sobre o tema: http://www.economias.pt/entrega-do-irs-2015/

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Wooowwww

O milagre chamado Constança José

Quando a morte espreita...